buenozdiaz


Residência LabMIS – Eletrônico Digital: por uma arte em mídias locativas + Estrelas Cadentes

logo_mis

No último sábado dia 24/01, fui contemplado com a bolsa residência do LabMIS, que acontecerá por 3 meses durante o ano de 2009, em período ainda indefinido. O projeto foi submetido ao edital aberto no final de 2008 e das 84 propostas recebidas, foram selecionadas 4.

A residência consiste no desenvolvimento de um trabalho prático no espaço expositivo do MIS e com suporte financeiro e de equipe (artistas e críticos renomados orientam o trabalho e equipe técnica auxilia na programação e desenvolvimento). Veja abaixo a descrição do projeto apresentado:

Eletrônico Digital: por uma arte em mídias locativas

O projeto faz parte da atual pesquisa do artista, que busca integrar às chamadas mídias locativas aos circuitos eletrônicos e da arquitetura, de forma que aparelhos celulares passem a produzir não só imagem, som, texto e comunicação verbal-oral, mas a alterar, transformar e reorganizar espaços remotamente.

O artista possui 3 trabalhos práticos que poderão ocorrer durante a residência, além de outros que poderão surgir, mas será priorizada a instalação “Estrelas Cadentes” como realização obrigatória.

Juntamente aos trabalhos práticos, será desenvolvido um blog com fotografias, textos e vídeos, que documentarão o processo, permitindo que o projeto ocorra em plataforma aberta, em contato com outros artistas, pesquisadores e instituições. Um texto final também será apresentado como resultado reflexivo sobre a residência.

Conceituação

Num cenário composto por 122 milhões de celures ativos no Brasil, cabe aos artistas das novas mídias, se posicionar, repensar e questionar a utilização crítica destes aparelhos e do espaço no qual eles estão inseridos.

Desta forma, este projeto levanta algumas questões que podem ser colocadas neste sentido:

Como as mídias móveis e digitais, a partir de qualquer ponto, nos habilitam a alterar, transformar ou reorganizar determinados espaços físicos? Seja o espaço da arquitetura, da natureza, ou das relações.

Em algum tempo, as chamadas mídias locativas funcionarão também como “controles remotos”, ou seja, possibilitarão além de comunicação e geração de material audiovisual, interferências e modificações no território habitado?

Como partilhar a construção de um trabalho de arte, dando visibilidade a uma rede de conexões e presenças inicialmente invisíveis?

O projeto prático que será executado: Estrelas Cadentes

esquema de funcionamento

Estrelas Cadentes: esquema de funcionamento

Instalação multimídia

focos principais:
arte locativa
instalação interativa
arte em rede

palavras-chave: celular . circuitos eletrônicos . internet . rede . estrelas cadentes

Este trabalho é inspirado no projeto Blinkenlights, desenvolvido em 2001 pela Chaos Computer Club em Berlim.

“Estrelas Cadentes” acontece a partir de um “céu” formado por 200 bexigas pretas carregadas de tinta colorida e uma estrela branca impressa sobre cada uma delas. Um número de celular será disponibilizado e a partir do recebimento de ligações nesse celular, uma luz acende sobre a bexiga selecionada e a bexiga estoura. Ao estourar, a bexiga jorra toda a tinta contida dentro dela e deixa de existir, semelhante a uma estrela cadente, deixando apenas a mancha de tinta que ficará no chão do espaço expositivo. Ao final, depois de 200 ligações, todo o céu terá se desmanchado e haverá apenas uma grande mancha misturada e colorida no chão. Toda a ação será transmitida via webcam, para que qualquer pessoa, de qualquer lugar, possa atuar no trabalho. As ligações serão estimuladas via web e no espaço expositivo, através de sinalização discreta, permitindo maior fruição do trabalho antes de fazer a ligação.

Além do celular com chip, serão utilizados componentes eletrônicos comprados na Santa Ifigênia – SP.

celular+motor+gilete+bexigas de tinta

celular+motor+gilete+bexigas de tinta: testes de transmissão de pulso do celular para o motor

Algumas possibilidades poéticas sugeridas pelo trabalho:

. metáfora da estrela cadente que se desmancha no ar, transformando-se numa grande mancha de cor;
. o chão manchado de tinta pode ser imaginado como um chão de desejos misturados e compartilhados, desejos estes, de âmbito pessoal / privado, colocado ali em contato com todos os outros; Os desejos citados estão relacionados àqueles feitos para uma estrela cadente;
. a quase impossibilidade de ver uma estrela cadente nas grandes metrópoles;
. a efemeridade e partilha de um acontecimento
. A possibilidade de visualização e interação com o trabalho dentro e fora da galeria. No espaço das redes internet e celular, e no espaço físico.
. o celular sendo utilizado como parte integrante de uma rede, de construção coletiva, de partilha, visualidades e experiência sensória. Interferindo, transformando e modificando o espaço físico.

O projeto não pretende discutir questões sobre a pintura, mas aspectos como: a conexão, a impermanência destes acontecimentos, as presenças, as transformações deste espaço físico e na plasticidade da estrela estourando.

Protótipo de mancha que ficará no espaço expositivo

Protótipo de mancha que ficará no espaço expositivo

O projeto conta com a especial ajuda de Cleiton Alves nas questões eletrônicas.


4 Comments so far
Leave a comment

Muito bem Claudioness, parabéns!!!
Bem legal a sua idéia, bonito o nome tb!Estou ansioso por ver o trabalho pronto.
abraços

Comment by Pablo Villa

uui, coisa amada.
vim te ver!

saudade, viu? essa semana tiro o pé da lama e compenso meu sumiço.

beijo!

Comment by ladybug

eeee… que bom receber sua msg!
saudade também. vorta, vorta, vorta… espero que esteja tudo caminhando por aí!
bjssss

Comment by buenozdiaz

[…] no curso de multimeios / artes plásticas. Entre as obras produzidas por Bueno, está a recente “Estrelas Cadentes” que acontece a partir de um “céu” formado por 200 bexigas pretas carregadas de tinta colorida […]

Pingback by Indicado Início de Carreira-Cláudio Bueno




Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s



%d bloggers like this: